Remediação de metais


Local: Guarulhos – SP.

Atividade: planta desativada de fábrica de baterias operante há mais de 20 anos.

Contaminação: água subterrânea contaminada por Chumbo e Bário.

Massa estimada: 6,5 kg de Chumbo 1 kg de Bário.

Duração total do projeto: 24 meses.

 

Atividades realizadas:


- investigação de fonte ativa;

- testes de tratabilidade em laboratório próprio;

- 03 campanhas de injeção de reagentes;

- 04 campanhas de amostragem;

           

Após 1ª Campanha de Injeção   | Durante 2ª Campanha de Injeção |  1 dia após 2 ª Campanha de injeção de reagentes.


Através do mecanismo de redução química, os contaminantes foram imobilizados pela formação de precipitados, seguidos de complexação, formando sais complexos de metais de baixa ou nenhuma toxicidade e mobilidade reduzida, tornando os novos compostos como substâncias inertes no solo e no lençol freático do terreno, sem periculosidade ao meio ambiente e à saúde humana. Não houve a necessidade de remover solo ou bombear água do local, reduzindo os custos com a remediação, e tornando o processo ambientalmente limpo, sem a geração e consequente destinação de resíduos tóxicos.